Nascimento: Bebés Tigre no Zoo do Grande Porto

Publicado por o d√≠a 17/11/2017 na sección de Oporto,Portugal

Nascimento: Bebés Tigre no Zoo do Grande Porto

O¬†maior¬†e¬†mais verde¬†parque zool√≥gico do norte de Portugal, o¬†Zoo Santo In√°cio¬†em Gaia, d√°, n√£o um, mas sim tr√™s magn√≠ficos passos na sua¬†nobre miss√£o¬†‚Äď a¬†Conserva√ß√£o¬†da Natureza, em especial das¬†Esp√©cies¬†que se encontram¬†Amea√ßadas de Extin√ß√£o.

Em 2015, o Zoo abraçou o Programa Europeu de Conservação (EEP) da Espécie Tigre da Sibéria, acolhendo a Mila, uma fêmea de três anos vinda do Zoo de Colónia, na Alemanha. Quase um ano mais tarde, chega ao Zoo Santo Inácio, vindo de Inglaterra, o Radzi, um macho de um ano e meio, iniciando-se, assim, o Programa de Reprodução desta ameaçada espécie.

Depois de um longo per√≠odo de enamoramento entre redes, acompanhado de perto pelas equipas t√©cnicas do Zoo, a Mila e o Radzi, ‚Äújuntam os trapinhos‚ÄĚ e o resultado n√£o podia ter sido melhor: dia 9 de julho, o Zoo do Grande Porto v√™ nascer, pela primeira vez, 3 magn√≠ficas crias do maior felino do Mundo!

Os dois machos e a fêmea poderão ser observadas no seu habitat exterior, sempre acompanhados pela sua carinhosa mãe todos os dias das 10h00 às 12h00.

Esta oportunidade √ļnica de aproxima√ß√£o √† vida selvagem, permite ao Zoo Santo In√°cio contribuir para a forma√ß√£o de cidad√£os com uma maior consci√™ncia ambiental e uma maior sensibilidade para a Preserva√ß√£o do Ambiente.

Segundo a Uni√£o Internacional da Conserva√ß√£o da Natureza, IUCN, esta esp√©cie √© considerada como Em Perigo de Extin√ß√£o devido √† perda de habitat pela ind√ļstria madeireira ilegal, consequente redu√ß√£o dr√°stica de presas dispon√≠veis para alimenta√ß√£o destes grandes felinos, ca√ßa furtiva e tamb√©m devido ao com√©rcio ilegal de animais selvagens.

O habitat do Tigre da Sibéria (ou Tigre de Amur) está agora restrito à faixa de Sikhote-Alin nas províncias Primorski e Khabarovski do Extremo Oriente russo e Manchuria, no extremo nordeste da China. Estima-se que existam pouco mais de 400 animais em estado selvagem e 500 em cativeiro.

Sobe para 41 o n√ļmero de programas de Conserva√ß√£o de Animais Amea√ßados em que o Zoo Santo In√°cio orgulhosamente participa, envolvendo mais de 142 animais e tendo j√° favorecido o nascimento de 70 crias.